domingo, 26 de setembro de 2010

Espiritismo

Tudo que vira "moda" corre um grande perigo, o deslocamento para o extremo. A religião já foi alvo de vários modismo e o próprio Catolicismo antes de tornar-se a maior religião já vista, praticada e estudada foi classificado como um modismo e, apoiado nesse princípio,  praticou seus maiores erros.






Estamos vendo, hoje, na mídia, uma ascensão do Espiritismo, propagada pelos meios de comunicação. Começou com o Filme Chico Xavier, republicações dos seus livros, filme "Nosso Lar", um livro do grande Chico e por ai vai...

Isso me preocupa muito, porque nesses filmes, que são obras feitas "para haver lucro$", nem sempre há o verdadeiro retrato da Doutrina em si.

Creio que o Espiritismo diferente de todas as demais religiões trata-se unicamente de uma opção interna, de um modo de pensar, crer e agir aqui neste mundo, enquanto no catolicismo há os três batismo para tornan-se um catolico, no Espiritismo há sua simples adesão pela postura interna, onde o grande lema é " Não há salvação fora da caridade" e eu ainda adiciono o termo VELADA, não há salvação fora da caridade velada. Porque "fazer bondade" também esta na moda.





Mas ... não estou a criticar nada do que foi dito acima, por sinal vibro quando vejo ótimos comentários e divulgações. Sinto apenas a falta de explicação doutrinária.

O espitismo veio justamente levantar o manto da ignorância e dar bases cientificar para tudo que há hoje.  É a aliança da ciência e da religião.  É o preenchimento do vácuo que existia entre as duas, sua ponte que agora e somente agora, foi  possivel a revelação para os homens.

Primeiro Deus foi falou por Mandamentos, com  Moisés no O antigo Testamento, depois veio o maior espírito de Luz encarnado, que foi seu filho, Jesus Cristo, que nos falou por metáforas, arqueando um véu, propositalmente, sobre algumas partes desses ensinamentos.



O espiritismo veio para revelar esse véu, para levantá-lo, para unir a Religião com a Ciência, e, então, a Religião não recebendo mais os questionamentos sem resposta da Ciência, adquirirá uma força inabalável, porque totalmente explicável cientificamente.

A doutrina, que é muito extensa, foi repassada da mesma forma por vários espíritos, ao mesmo tempo, em várias línguas, nos mais distantes continentes e quando da união desses textos, verificou-se que eram literalmente identicos, passadas pelos mais diversos médiuns que sequer conheciam-se, outros não sabiam nem ler direito, como o próprio Chico Xavier, que mal sabia falar Português e psicografou grandiosas obras literárias. Isto traria bases mais sólidas e inquestionáveis, porque as mesmas instrunções foram reveladas para diferentes pessoas, em diferentes continentes, em diferentes línguas. É uma doutrina muito científica onde há comprovação de todos os fatos e inclusão destes dentro das leis imutáveis do universo e do homem. Eu não poderia aqui colocar a profundidade e nem resumi-las, primeiros porque eu não as sei por completo, ainda estudo com muito afinco, segundo porque são muito complexas e chatearia o leitor, creio eu. Só para embasar o que disse, quanto à complexidade, foram Sócrates e seu pupilo Platão que escreveram as primeiras bases espiritas. Viu a profundidade, quem já tentou ler Sócrates sabe disse ( Não vale ler o Mundo de Sofia rsrsrsr) Estão a ver a profundidade do assunto?




Por fim, queria somente demonstrar que o Espiritismo é muito mais que tudo que aparece na mídia ou em revistas menos cientificas. Por aqui, posso dizer que aplicada na vida cotidiana, ele segue uma máxima de causa e efeito implacável e que nossa "salvação", entenda-se aqui como evolução para um plano maior, é garantida pelas boas ações que praticamos, aqui, o presente, é o tão temido inferno, se estamos aqui é por duas razões: ou estamos "pagando algo" que é o mais comum ou estamos tão evoluídos que viemos somente fazer nossa última "provação" que é tipo um teste de sua crença em Deus.

Isso é bastante falado no filme Chico Xavier, ele quase ficou cego, mas nem mesmo assim parou de psicografar, era muito famoso, mas em nenhum momento usufruiu financeiramente de sua fama, nasceu e morreu pobre.

Por hora venho esclarecer que o espiritismo é uma evolução do cristianismo, que inclui os evangélicos, católicos, etc. Todos os caminhos levam a um só Deus.

Onde encaixam-se os diversos Santos católicos? São fortes espíritos de luz que habitaram aqui, este plano, e passaram por sua provações, conforme falei.

E destes, eu me derreto em adoração quando falo de Maria mãe de Jesus, despida ou com todas sua faces (desatadora de nós, virgem maria, etc), porque desde sempre tive muita adoração por esta mãe tão dedicada. E, ainda criança, por volta dos sete anos, recebi um textinho falando sobre ela, apartir daí criei essa adoração. Virgem Santa Imaculada à teus pés eu peço todo dia para minha evolução... E como tenho pedido!!!




Então, de nada adianta rezar um calhamaço de rezas escritas e ir todo domingo à igreja se sua alma não é alimentada com caridades e ajuda, há um canal aberto para Deus e sua luz divina em todos nós. Não estou a criticar a igreja, se é somente lá que você se concentra, então vá, e vá até todos os dias, mas tente praticar a meditação, todos podemos conversar e "viver" a santidade. É disso que trata o Evangelho segundo Jesus Cristo que, de acordo com a história, está escondido no Vaticano. Nele, Jesus fala que "reunir-se-ão dois ou mais e estarei lá, levantai uma pedra e estarei lá..." mostra bem esse canal de luz que possuímos. Bem...não sou uma escritora mas tentei dividir o pouquinho que sei com vocês.

sábado, 25 de setembro de 2010

Some Unholy War... Amy Winehouse


Some Unholy War Amy Winehouse

If my man was fighting,
Some unholy war,
I would be behind him,
Straight shook up beside him,
With a strength he didn't know,
It's you I'm fighting for,
He can't lose with me in tow,
I refuse to let him go,
At his side and drunk on pride,
When he waits for the blow.

Put it in writing,
But who you writing for,
Just us on kitchen floor,
Justice done,
Reciting my stomach stands still,
Like you're reading my will,
He still stands in spite of what his scars say,
And I battle 'til this bitter finale,
Just me, my dignity and this guitar case


If my man was fighting some unholy war,
And I will stand beside you,
Who you dying for,
B - I would have died too,
I'd liked to,
If my man was fighting,
Some unholy war,
If my man was fighting,
Some unholy war,
If my man was fighting,
Some unholy war

Tradução:


Se meu homem estivesse lutando
Em alguma guerra pagã
Eu estaria atrás dele
Parada ao lado dele
Com uma força que ele não conhecia
É por você que eu estou lutando
Ele não pode perder comigo por perto
Eu me recuso a deixá-lo ir
Ao lado dele e bêbada de orgulho
Quando ele espera pelo golpe



Ponha isto por escrito
Mas para quem você está escrevendo
Apenas nós no chão da cozinha
Justiça feita
Recitando do âmago, continuando parados
Como se você estivesse lendo meus pensamentos
Ele continua em pé apesar do que suas cicatrizes
Eu lutarei até este final amargo

Apenas eu, minha dignidade e esta caixa de guitarra



Sim, meu homem está lutando em uma guerra pagã
E eu estarei a seu lado
Para quem você está lutando
Eu teria que morrer também
Eu gostaria
Se meu homem estivesse lutando
Em uma guerra pagã
Se meu homem estivesse lutando



Acho linda essa música porque passa uma caracteristica que é beeeem da compositora, extremidade!
Não é muito conhecida (talvez por isso eu goste tanto dela) mas é uma grande letra, com uma bela melodia.
A palavra chão da cozinha tão recorrente aparece também...igual a palavra "gazela" de Chico Buarque que ele adora!.
Vale a pena escutar e entrar no mundo da compositora, seus medos, suas inseguranças e por fim seu tão errante CORAÇÃO DE MULHER...sua atitude tão singular diante de um mundo de celebridades feitas e rotuladas de uma só forma, ela é a cereja verde, onde nenhuma gravdora dita seus atos, seu jeito de vestir, ou sua rotina. Não precisa andar maquiada ou esconder seu vício para ninguém, como tantos e tantos o fazem por ai. Ela assume decididamente quem é em qualquer situação e até escreve sobre isso.

Afinal: Que mulher é essa de cabelo Beehive, olhar agressivo e corpo castigado pelas valvulas de escape que ela usa compulsivamente?

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Adesivos de Parede

               

                    Eu, geralmente, só ando pela Washington Soares (Fortaleza-CE), essa acima, mas fim de semana resolvi garimpar pelo centro da cidade umas utilidades domésticas, na verdade estava querendo uns quadros, para minha varanda...
                   Encontrei uma loja chamada "Made in China", fiquei zoooooza tem tanta coisa, mas tanta que eu gastaria muito tranquilamente todo meu salario lá se ele não tivesse seus respectivos donos.
                    Olha só esse adesivo...
                    
                                   Agora o que há de melhor: diz quanto?
                                   Seis reais !!!!!!!!!!!!!!
                                   Somente seis reais acreditem!!!!
                                   ...

                                 

                                       Agora com o adesivo:



                                     E de novo...quanto?
                                     TRES reais...
                                     Muito barato.... só não comprei todos porque eram repetidos kkkk
                                    
                                    Como achei hiper lindo vim dividir com vocês e, querendo, eu os compro e mando para todos pelo correio, é so pedir.
                                   Adesivos dão um outro astral para a casa e esses são muito baratos, na Tok Stock um adesivo deste tamhanho não sai por menos de 90 reais.

                                    
                             Por ultimo, olha só minhas fofurinhas dormindo de conchinha! A cara do Guilherme ta até inchada de dormir ...

                                 

domingo, 19 de setembro de 2010

Minhas Escolhas-Blogagem Coletiva

Estava meio perdida sem saber direito acerca da blogagem coletiva...mas guerreira que sou resolvi arriscar aqui vai....

MINHAS ESCOLHAS...

Eu vivo sem café, mas sem chocolate não.
Eu vivo sem meus livros, mas sem minha bíblia não.
Eu vivo sem hidratante, mas sem oleo pós banho não.
Eu vivo sem festas, mas sem minhas amigas não.
Eu vivo sem academia, mas sem meu ballet não.
Eu vivo sem Tuiter,  Facebook e Orkut mas sem meu blog não.
Eu vivo sem linhaça, sem aveia e sem trigo, mas sem Mac Donald não.
Eu vivo sem musica, mas sem Chico Buarque não.
Eu vivo sem carro, mas sem meu apartamento, casinha de boneca, não.
Eu vivo sem salário, mas sem trabalhar não.
Eu vivo sem filhos, mas sem meus gatos não.
Eu vivo sem piadas, mas sem sorrir não.
Eu vivo sem viagem, mas sem internet não
Eu vivo sem vestido, mas sem calça jeans não.
Eu vivo sem refrigerante, mas sem agua não.
Eu vivo sem batom, mas sem blush não.
Eu vivo sem criticar, mas sem elogiar não.
Eu vivo sem UNIMED, mas sem o Grupo Paulo e Estevão não.
Eu vivo sem praia, mas sem carangueijo não.
Eu vivo sem vinho, mas sem Stella Artois não.
Eu vivo sem nescau, mas sem Ovomaltine não.
Eu vivo sem dentista, mas sem Listerine de Baunilha não.
Eu vivo sem joias, mas sem meu escapulário não.
Eu vivo sem igreja, mas sem rezar à noite não.


Esse é o sagrado coração de Jesus da Catedral de Buenos Aires.

sábado, 18 de setembro de 2010

Recomeço da arrecadação para o dia das Crianças!

Estaria sendo ingrata se proclamasse que dia 12 de outubro é o dia mais feliz do ano para mim, isso há três anos... mas afirmo que seja UM dos. É o dia em que vou entregar os presentes que arrecado para as crianças doentes e abondonadas que estão nos hospitais de Fortaleza-CE.
É o dia em que me sinto viva, me sinto humana e tenho compreensão do que faço aqui nesse mundo.
E como todo projeto que nasce bebê... cresceu ( ebaaa) e esse ano irei ( ou melhor iremos, amigas me ajudam muito, muito Juliana, Denise e Talitinha) também ao abrigo para crianças com problemas mentais aqui de Fortaleza-Ceará. Não irei divulgar os nomes porque não pedi as devidas autorizações ainda. Irei pedir e poderei postar. Este abrigo é muuuiiito triste e extremamente "pesado" (palavra espirita, explico) porque são crianças que nem sempre têm problemas mentais, podem ser transtornos espirituais, por isso tão necessária a presenta de forças positivas. Eu aguentei ir lá poucas vezes e, não é querendo ser muita coisa, eu tenho uma espiritualidade muito boa, mas quando saí de lá estava morta, sugada e para "baixo".

Olha ai a campanha do ano passado:


Essa criança tem Cancer e fazia muuuuito tempo que estava no hospital.




Uma mocinha já...temos que doar não só bonecas kkkkk




Esse é o Pedro Juan, me apeguei muito à esse garotinho, ele é lindão e muito esperto, pedia varios brinquedos e os escolhia viu!!!!!! Quase não saio de perto dele. Abala o que temos de mais precioso, o instinto materno. O meu então que anda à me dar "cutucões" à todo instante, até latejou ...




Não lembro o nome desse pequeninha só sei que ela, nesse dia, estava com muita raiva, porque era a folga da vovo dela e ela teria que ficar ali por 4 horas recebendo quimioterapia... " um saco " como ela esbravejava para as enfermeiras. Ganhou a fadinha, o melhor brinquedo que tinhamos naquele dia.

As doaçoes que temos são feitas por amigos, familiares, os namorados, os amigos dos namorados, os amigos dos amigos dos amigos e assim vai em diante...no fim sempre deu certo....e vai dar esse ano também , ja comecei o pede aqui pede acolá... 
Novidade desse ano: como não iremos somente em hospitais, sendo assim, poderemos levar bolo, refri e pipoca. Vai ser ótimo.

Postarei tudo, tudinho.

Um abraço...




quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Salvador... hummm... eu também quero....

Viajar é realmente muito bom.
Descoberta recente essa minha mas digna de todo respeito kkkk!
Uma amiga viajou para Salvador e trouxe as fotos (detalhe eu a lembrava de 5 em 5 min de batê-las de tudo, até das comidas), quase morrooooo de inveja....tudo lindo, lindo e o melhor, viajar com seu amor é sem sombra de dúvidas o céu!!!. Eu, que "odeio" fotos (rsrsrrs) olhei por tres vezes. Ah... como é bom ver os outros felizes, os sorrisos, a linguagem corporal,  foto por foto. E como menina arteira que sou roubei essas que vou postar aqui:



Olha só essa vista...ahhhhhh derreto...sinto até o ar puro em meus pulmões.... rsrsrrsr. Era a visão da janela do quarto.


E eu aqui com minha lancha parada!!!!

Minha amiga me explicou direitinho a historia...
                                             

                                                                                     Essa construçãodo lado direito é um elevador para ligar a cidade de baixo com a cidade de cima.


Bem lá no meio do oceano é um forte.

Essa construção amarela abaixo do elevador é o mercado.

Legal neh.



Acima é a imagem, das que ela me mostrou, que eu mais gostei, é Nosso Senhor da Paciencia, nunca havia vista essa imagem e A-M-E-I.

 ai ai ai MESSSSSMO que eu ter ido...

Aliás já me considero ter ido,

Alias acho que fui mesmo e não lembro....kkkkkkkk...
Olha que tesouro:  Maria menina...olha que delicado, os sapatinhos postos ao lado da cama, acho que não ficou bem nítido, mas é uma linda foto.


Maravilhosamente belo, digo pela arquitetura, pela ostentação, pela arte, não pelo lado espiritual, eis que meu conceito de fé e dos caminhos que levam à Deus são bem diferentes. Aqui falo pelo artesanato, pela inteligencia humana, meu equilibrio sobre o que seja fé é algo bem distante desta realidade.
Em todo caso é um tesouro, um patrimonio inconparável.

Vários santos em tamanho real.

kkkkkkkkkkkkkkkk aqui a dona das fotos...
Olha como ela ta com carinha feliz.....
Linda.


Boa sorte (mas isso é segredo)!

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Porque...

Não há mais nada que me roube tanto a atenção no momento que um blog bem escrito, corriqueiro, de mulheres que pensam como eu penso, passam pelo que passo, vivem da mesma forma que eu vivo. Por vezes me perguntam qual a graça disso.
Falava e percebia que não conseguia passar meu sentimento com maestria, completude...
 Vi nesse blog : http://claufinotti.blogspot.com/ palavras lindas, aliás vejo muitas palavras lindas toda a noite quando chego ansiosa do trabalaho para ler o que postaram. Nelas está a materialização do que eu sinto.

Vamos às palavras:


Eu tenho blog porque já passei da idade de ter diário rosa de florzinha. Também porque sou vaidosa, metida a besta, e acho que algumas coisas que pensamos podem ser compartilhadas. Não pretendo ser Clarice Lispector ou Cecília Meirelles. Apenas acho a escrita uma forma extremamente terapêutica e barata de tratamento da alma.
 
Clau Finotti


Itumbiara/Goiânia, GO, Brazil

Retirado do seu blog : http://claufinotti.blogspot.com/

Isso não é lindo?

Um dia também poderei expressar tudo que sinto, um dia..., um dia...


Caí da cadeira de tanta felicidade....

Entrei aqui e vi que haviam 5 pessoas on-line, achei o máximo, fiquei tão feliz e comecei a rir de felicidade gritando eba, eba, eba pela casa...liguei pro namoridão, contei para mãe e até para os gatitos a novidade. Obrigada Fernanda pelo apoio.

domingo, 12 de setembro de 2010

Muito bom...minhas amigas de blog são otimas!

sexta-feira, 27 de agosto de 2010 Post By: Lilah Verdades Absolutas



Eu não acredito em verdades absolutas. Quando temos dezoisto anos acreditamos que o mundo se divide em dois lados: o nosso e o errado. Faz parte da vida que seja assim e talvez seja até saudável, por que é a crença nessa (in)verdade que nos move para frente. Acreditar que mudaremos o mundo, que seremos mais e melhor, que faremos de tudo que sonhamos....nos dá combustível para seguir em frente num momento de ebulição total de hormônios e vontades. Mas a gente cresce...ou deveria.

E quando a gente cresce, descobre que o mundo não é uma folha de papel que só tem frente e verso. A gente descobre que entre a frente e o verso existe um mundo de coisas que nem éramos capazes de enxergar. A gente entende que entre preto e branco existe uma infinidade de cinzas e que entre a minha verdade e a sua verdade, moram milhares de versões alternativas.

A gente cresce e percebe que não vamos mudar o mundo que, no máximo, vamos mudar a nós mesmos. E que isso será uma batalha árdua. A gente descobre que não precisa concordar com o outro para respeitar. E que eu posso, sem nenhum problema, gostar de alguém ainda que eu não comungue e todas as suas idéias.

A gente cresce...ou devia. Por que do outro lado dessa estrada a gente descobre que a diversidade pode ser empolgante. Que o coração das pessoas não é um feudo que precisamos tomar posse e conquistar, com armas e cercas. Que coração é terra livre e que sentimentos crescem mais, se não são contidos por regras e muros. E que podemos amar, até quem a gente não entende.

A gente cresce. E então a gente aprende que não existe só o MEU lado e o SEU lado. Mas existe o meio. E que no meio, na maioria das vezes, repousa o equilíbrio. Por que, cara pálida, o caminho do meio não se chama "fazer média", se chama maturidade. Pena, que para alguns, ela demore mais...
______________

Esse é AQUELE texto... limpo, realista, escrito em prosa, quase como uma conversa ao pé do ouvido, tomando café com bolo de cenoura quente à tarde....ih viajei. Mas é a verdade.
Eu acho que todos um dia percebem isso...ou pelo menos quase todos. É nessa hora que toca a campanhia da idade, é nesse momento que as experiencias vividas marcam nosso caminhar, o pensar, o ser e o agir. Minha epifania, como escrevia Clarice, nesse sentido, foi ano passado. Revi meus atos, as idéias de mim e dos outros e passei a viver melhor. Ou pelo menos penso que passei a assim o fazê-lo. A vida tomou novas cores, as palavras...novas compreensões e os incidentes corriqueiros... um significado. Aprendi que eu não devo brigar com o mundo, que aqui ninguém é contra mim e sim todos são ao meu favor, montando aquela tão falada rede, trama vital que nos induz as provações. Aqui ela fala de forma clara na alegria do amor livre, do amor companheiro, enfim, do amor maduro. Do meu amor.

Um Bom dia de domingo à todos.
Texto retirado do Blog Tramas, tranças e bobagens.
Olha o link ai:
http://tramasebobagens.blogspot.com/

Um dos meu favoritos, parábens Lilah.

sábado, 11 de setembro de 2010

Conceito de Livre-arbítrio

A Doutrina Espírita admite no homem o livre-arbítrio em toda a sua plenitude e, se lhe diz que, praticando o mal, ele cede a uma sugestão estranha e má, em nada lhe diminui a responsabilidade, pois lhe reconhece o poder de resistir, o que evidentemente lhe é muito mais fácil do que lutar contra a sua própria natureza. Assim, de acordo com a Doutrina Espírita, não há arrastamento irresistível: o homem pode sempre cerrar ouvidos à voz oculta que lhe fala no íntimo, induzindo-o ao mal, como pode cerrá-los à voz material daquele que lhe fale ostensivamente. Pode-o pela ação da sua vontade, pedindo a Deus a força necessária e reclamando, para tal fim, a assistência dos bons Espíritos. Foi o que Jesus nos ensinou por meio da sublime prece que é a oração dominical, quando manda que digamos: "Não nos deixes sucumbir à tentação, mas livra-nos do mal." Conseguintemente, as faltas que cometemos têm por fonte primária a imperfeição do nosso próprio Espírito, que ainda não conquistou a superioridade moral. ­


Nenhuma palavra.
Fim.
Lyli.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Hoje foi um dia muiito especial. Foi a comemoração do aniversário da minha tia Penha, meu primo Diego e minha prima Leide, embora eles sejam muito queridos, o predicado deve-se à uma foto à qual bati, nela minha vozinha que teve um AVC há muito tejmpo está beijando a filha da minha prima, a Isabela. Vou explicar melhor. Minha vozinha está muito tempo doente e toma muuuuitos remédios então tem dias que ela nem conhece os mais proximos e até fico em dúvidas quando ela fala meu nome, porque não sei ao certo se ela lembra de mim e de tudo que já vivemos e passamos um dia, então no meio daquela bagunça de cantar os parabens e apagar velinhas, eu fui bater a foto (como sempre) e quando olhei pelo display... eis que a vi beijando essa menininha linda, filha da neta que ela sempre mais amou Ana Julia (hummm é dificil dizer mas é a verdade, eu não era a predileta kkk) isso me deixou tão emocionada e eu como sempre guardei a informação para mim, cheguei em casa examinei e estou dividindo com vocês essa alegria. Ela CONHECEU SIM a bisneta dela e tava dando ou tentando, devido suas restrinções de mobilidade, dar um beijo. Olha para vocês verem:
Não é verdade? Isso me deixou tammmm feliz.
Pequenas conquistas, pequenas coisinhas, pequenos momentos felizes.


Minha mainha e a Isabela.

Nós "matando ela de cheiro.."
Eu sonhando com a minha pequenininha....

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Recebi, li, copiei, decorei e usarei

A ELEGÂNCIA DO COMPORTAMENTO - (Henri Toulosse Lautrec)




Existe uma coisa difícil de ser ensinada e que, talvez por isso,

esteja cada vez mais rara: a elegância do comportamento.

É um dom que vai muito além do uso correto dos talheres e que abrange bem mais do que dizer um simples obrigado diante de uma gentileza.

É a elegância que nos acompanha da primeira hora da manhã até a hora de dormir e que se manifesta nas situações mais prosaicas, quando não há festa alguma nem fotógrafos por perto. É uma elegância desobrigada.

É possível detectá-la nas pessoas que elogiam mais do que criticam. Nas pessoas que escutam mais do que falam. E quando falam, passam longe da fofoca, das pequenas maldades ampliadas no boca a boca.

É possível detectá-la nas pessoas que não usam um tom superior de voz ao se dirigir a frentistas.

Nas pessoas que evitam assuntos constrangedores porque não sentem prazer em humilhar os outros.

É possível detectá-la em pessoas pontuais.

Elegante é quem demonstra interesse por assuntos que desconhece, é quem presenteia fora das datas festivas, é quem cumpre o que promete e, ao

receber uma ligação, não recomenda à secretária que pergunte antes quem

está falando e só depois manda dizer se está ou não está.

Oferecer flores é sempre elegante.

É elegante não ficar espaçoso demais.

É elegante você fazer algo por alguém, e este alguém jamais saber que você teve que se arrebentar para o fazer...

É elegante não mudar seu estilo apenas para se adaptar ao outro.

É muito elegante não falar de dinheiro em bate-papos informais.

É elegante retribuir carinho e solidariedade.

É elegante o silêncio, diante de uma rejeição....

Sobrenome, jóias e nariz empinado não substituem a elegância do gesto.

Não há livro que ensine alguém a ter uma visão generosa do mundo, a estar nele de uma forma não arrogante.

É elegante a gentileza... atitudes gentis falam mais que mil imagens...

Abrir a porta para alguém...é muito elegante

Dar o lugar para alguém sentar...é muito elegante

Sorrir, sempre é muito elegante e faz um bem danado para a alma...

Oferecer ajuda...é muito elegante.

Olhar nos olhos ao conversar, é essencialmente elegante.

Pode-se tentar capturar esta delicadeza natural pela observação, mas tentar imitá-la é improdutivo.

A saída é desenvolver em si mesmo a arte de conviver, que independe de status social: é só pedir licencinha para o nosso lado brucutu, que acha que "com amigo não tem que ter estas frescuras".



Uma pessoa elegante não faz questão de se fazer aparecer.



Se os amigos não merecem uma certa cordialidade, os inimigos é que não irão desfrutá-la.



Superação é irmos além do que os outros acham que somos capazes.


Gostei demais principalmente pela parte de "se arrebentar" para tentar fazer algo por alguém sem que esse alguém saiba que um dia vc o fez. Ou mesmo saber que é elegante ouvir mais que falar para mim já me fez feliz por hoje.Isso é uma coisa que pratico há tempos. Um bom texto, para um bom fim de semana. Até mais. Lili vai jantar e ler Jane Austin agora...

sábado, 4 de setembro de 2010

O valor da amizade

Algumas fotos com minhas amigas lindas...

São pessoas que me ensinam tanto que só por isso me faz ser grata por toda vida!

Essas são da época da faculdade, faltou a Raissinha que à essa hora estava casando kkkkkkkk

Juju essa aí é A amiga.
Eu to feinha nessa foto...
Talitinha linda....Socorrinha looooucaaaaaaa.
Não sei se hj o dia foi que me tocou ou se eu é que estou deveras sensible...e carente.